Ainda na Governos Island

Olha eu aí com mais linguiça pra encher material pra mostrar sobre a Governos Island. 

Mostrei pra você algumas fotos, bem poucas na verdade, porque a bateria descarregou no meio do passeio. O pior de tudo que essa não foi a primeira vez, e a segunda foi bem mais traumatizante. Mas essa é uma historia que vai ficar para outra hora 😀

Mas é claro que um passeio desse tinha que rolar um vídeo né? E é exatamente isso que eu vim mostrar aqui pra vocês: saindo mais um lunavlog da semana no capricho 😛

No vídeo vocês vão ver o lugar certo que se pega a barca (do lado da onde se pega pra Staten Island). Mas as legendas ficaram completamente dessincronizadas então favor ignorar 😛

Ninguém mais deve aguentar mais essas tosquices de vídeo, mas eu não resisto. Juro que quando tiver um computador melhor as edições ficaram menos cafona melhores.

      … e beijo pra quem fica!

Anúncios

Governors Island

Olá minha gente!

Antes de começar o post sobre essa maravilhosa ilha que descobri em NYC vou fazer logo um off topic: muito de vocês já sabem que estou de rematch. Sim, estou tendo um experiência completa no mundo auperiano. Pra viver mais intensamente ainda essa experiência, o rematch não poderia faltar, certo?

Recebo mensagem de muita gente me perguntado como estou e preocupada com a minha situação e sinceramente eu nem tava afim de comentar isso agora aqui, porque quero primeiro resolver a parada. Mas aí eu percebi que rolava uma curiosidade preocupação a respeito disso e então achei justo vir aqui dizer que estou bem, que a família não surtou nem nada e estou trabalhando pra eles, tentando levar a rotina o mais normal possível.

Estou bem aqui, não me tiraram internet (pelo que vocês podem perceber), nem telefone e até o carro eu uso normal. Claro que agora em rematch algumas pressões aliviaram, tipo sempre que eu faço algo que a fofaiada pode não gostar me passa aquele pensamento maligno na cabeça: “Ah! Não gostou? Vai fazer o que? Pedi rematch?

Fora o fato aliviante de saber que toda essa minha rotina maluca não vai ser mais problema meu em alguns dias. Essa pica agora não é mais minha, essa pica é do aspira 😛

Prometo pra vocês que quando tudo estiver resolvido, ou seja, eu já estiver devidamente  instalada numa nova família, eu venho aqui e conto tudo como aconteceu . Antes nem pensava em mencionar isso no blog, mas né, não só de coisas boas vive um intercambista, então nada mais justo que narrar como tudo aconteceu.  E por mais chato que isso seja (e está sendo) uma dia vai resolver e só daí eu vou ficar a vontade pra falar. Até lá, continuarei com os pots normal mesmo de dicas, reflexões e diário de passeios (porque eu ainda nem viajei por aqui mas ando passeando loucamente como se não houvesse amanhã).

A única coisa que eu posso adiantar é que eu ganhei mais um mês de presente, o que me tira aquela pressão de fechar com qualquer família só por fechar. Do resto a vida segue normal, trabalho normal, tudo normal.

Tendo esclarecido isso, voltemos com a nossa programação normal…

Se não fosse por uma amiga minha, eu jamais saberia da existência dessa ilha. Governors Island fica bem no baixo Manhattan, perto do Brooklyn, da onde dá pra avistar a Estátua da Liberdade. Pra você chegar lá, tem que ir para o porto de New York que fica do lado da onde se pega a barca para a Staten Island (disfarça que eu achei que era lá, mas não era, tirei foto no lugar errado e tudo :P) e pegar uma ferry/barca (que não paga, viu?!).

Vista da ferry (que não paga :P)

O passeio de ferry dura 5 min, e você tem uma vista de Manhattan e da Estátua de Liberdade beeeeem nanica. E é de graça!! Caso alguém (Dona Ket) não tenha entendido, eu repito de novo,eu não me canso de repetir (P. Sherman …): o passeio de ferry é de graça!

Por quase dois séculos essa ilha foi usada como base militar pelo exército americano e servia como casa de soldados e até generais. Em 2003 o governo federal vendeu um pedaço da ilha para o povo de New York, passando a fazer parte do Estado de Nova York (nunca decido se uso New ou Nova, então vou revesar) e em 2011 o prefeito de Nova York decidiu qual seria a finalidade dela: servira de recreação para o povo de New York, desenvolvendo ela construindo parques públicos.

pra alugar bicicletas

Como essa história é muito chata, a minha amiga inventou uma mais emocionante: que o governador morava lá, mas aí um dia ele surtou e matou a mulher e as filhas. daí a ilha ficou meio carregada, e por isso desativaram a ilha. Mesmo depois de anos, e o governo tentando dar uma utilidade pra ela, ainda hoje se pode sentir algo estranho no ar.

a casa do governador fictício

Juro que grande parte do passeio eu fui acreditando nesse monte de besteirol que ela me contou pra só depois ela me dizer que era mentira. Mas eu preciso concordar com ela que essa história é bem mais legal!

O que fazer lá: o que normalmente se faz num parque em geral: picnic, freesbe, só que com a visão da Estátua da Liberdade na sua cara.

pela ilha

A ilha é uma delícia, e o que eu mais indico de se fazer é alugar uma bicicleta. Alugamos uma com vaga pra quatro e depois de 20 minutos pedalando aquele troço pesado estávamos sem folego, mas amamos muito.

Elas saiem de saias e bicicletinhas, uma mão vai no guidão... #PuraPoesia

Outra dica são as casas abertas que você pode entrar e visitar pra ver como as coisas eram na época. Tinha uma que a gente entrou que até pessoas vestidas a caráter tinha. Bem legal!

foto cafonas que não podemos deixar de tirar =P

Agora a notícia triste para quem se interessou pela Governors Island é que ela fica aberta só no verão, ou seja, quem não foi agora perdeu playboy, só em 2012. Mas já deixa aí anotado na agenda um passeio bem gostoso, que sai barato. Nem é assim famoso mas que super vale a pena de fazer.

Se interessou pela Governors Island, então entra no site clicando aqui! Lá tem mais história da ilha e fotos que vocês vão babar 😛

Beijos pra quem fica!

Ps.: eu deveria ter muito mais fotos mas a bateria descarregou no meio do passeio 😦

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 38 outros seguidores