I made through my first month o/

Um mês, já?!

Pois é, contando com a semana do treinamento tem 1 mês que eu tô aqui. Já posso começar a filosofar da vida, do universo e tudo mais?!

Um mês só e tô me sentindo 10 anos mais velhas, impressionante como a intensidade dessa experiência faz a gente se sentir assim, tão diferente. Certeza que eu estou aqui me conhecendo muito mais, e muito mais aware do que sou capaz de fazer (não tô bêbada apesar da filosofia de botequim foda sendo vomitada).

Umas coisinhas que aprendi nesse mês:

– que eu tenho uma capacidade de adaptação incrível. Até a comida não foi tão ruim assim de engolir (literalmente).

– que eu sou uma excelente companhia pra mim mesma. Eu nunca gostei de fazer as coisas sozinha, mas o trabalho de Au Pair pode ser bem solitário as vezes. E no começo a sua vida social não é assim tão agitada. Eu descobri que sou uma pessoa bem legal pra passar o tempo comigo mesma (apesar da internet ajudar bastante :P).

– que eu consigo ser mais paciente quando preciso . Nem tudo precisa ser pra ontem e eu não vou morrer se esperar 2 min para o microondas esquentar a comida.

– que na guerra (drama!) todo mundo vira companheiro. Aqui são as amizades que você tem que vão te segurar. Sabe, no perrengue mesmo, seus amigos aqui vai virar uma grande fraternidade. A gente vive no melhor estilo “um por todos e todos por um.”

– que eu sinto muita saudades dos amigos e principalmente minha família mas eu aguento. A gente aprende a viver com esse aperto no peito que dá as vezes, mas isso não me faria voltar a trás na minha decisão. Hoje posso dizer que moraria até na China 😛 Mas antes daria aquela passadinha na terrinha pra dar aquele abraço quebra-costela na minha família.

– e que salário de Au Pair não dá pra muita coisa. a carteira é praticamente um trampolim, o dinheiro bate e pula pra fora. Aqui tem que rebolar pra fazer quase tudo que você acha que pode fazer (nada de um Ipad por semana). Levando em consideração que estou não só num Estado caro, mas num dos condados mais ricos, aí sobra pro pião aqui né! (Tá, mas ainda não se compara com os preços absurdos do país de origem não)

Tá bom, né?! Em um mês não dá pra ficar tão mais sábia que isso. Mas eu olho aquela menina desanimada da faculdade que decidiu ser Au Pair da noite para o dia, nossa parece que foi ontem que eu estava lá toda entediada fazendo aulas teóricas de direção focando pra ser Au Pair. E olha só, aqui estou eu, limpando bunda de criança (mentira as minhas são todas grandes :P), quanto orgulho!

Mudando de assunto :

Antes de vir pra cá eu fiz um post conjecturando sobre coisas que iria sentir falta e não vou sentir falta. Pois é, agora já posso falar com propriedades que sinto falta de:

camelô. Na boa, eu tenho muita alma de fudido mesmo. Eu não nasci pra morar em bairro chique minha gente, porque bate vontade de devorar um chocolate e o que que eu faço? Nada, chupo dedo. Porque não vou sair pro “centro” da cidade pra comprar mísero chocolate. Camelô era um super life-saver, era só ir na esquina de casa e pronto, meus problemas estavam resolvidos.

andar a pé e poder esbarrar com as pessoas. Quando me falavam isso eu achava um exagero, mas não é! Deem crédito pra mim quando digo, aqui você não faz nada sem carro. Juro  que dependendo de onde você mora e até da sua driveaway, nem suas correspondências você pega sem carro. Aí é um porre, porque tem ficar caçando vaga toda hora que os planos mudam. Não que não tenha vaga, claro que tem em tudo que é lugar, mas tem que pagar. Eu quero uma que seja de graça e que de quebra não tenha uma multa lá enfeitando meu carro, porque né, sou Au Pair e isso explica tudo.

– me sentir confortável na minha própria casa. Morar na casa dos outros é foda, você nunca pode ficar a vontade, tipo entrar e já sair arrancando a roupa,por exemplo. Ou trazer a galera pra fazer reunião a qualquer tempo, colocar o copo do jeito que você bem entende. Só a sensação de tá incomodando então tipo sair sem achar que vai incomodar o morador quando você chegar 9garagem barulhenta da porra). Vou sentir um alívio quando puder voltar a fazer as coisas do meu jeito 🙂

É isso que tenho pra falar dessa data comemorativa, meu povo. Obrigada a todas as mensagens que recebo, fico muito feliz em saber que estão gostando do blog. Obrigada pelos coments também e até pelos comentários corrigindo uma burrice qualquer que tenha eu soltado.

Mas mais que nunca, obrigada a todo mundo que me ajudou a segurar a barra e me ajudou nessa minha na adaptação. Não sei o que seria sem vocês (já me sentindo na entrega do Oscar, cadê meu Prada?).

Só faltou o: beijos pra minha mãe, pro meu pai e especialmente pra vocês 😛

Para fechar o post, deixo aqui um vídeo de um dos momentos com as meninas mais animadas, estavamos nos esbaldando ao som de “Give me Everything” que virou nosso hino aqui. Como diria a Débora, um momento bem toxa!

       Beijo pra quem fica!

Ps.: Reparem (se conseguirem porque o video tá meio escuro)só na animação e preparação pra falar o “Grab somebody sexy tell’em hey!” 😛

Ps2.: eu não apareço não,  pra variar eu sou a looouca da filmagem, tô sempre gravando. Mas minha voz rouca de pato tá lá firme e forte.

Ps3.: Muito feliz pelo seu match Lais zinano!! See you soon in NY!! =D

Anúncios

15 comentários (+add yours?)

  1. Aline
    Ago 11, 2011 @ 00:52:44

    Heyyyy….esse Hino era meu tbm! hahahahaha…nao se transformou….ja era Hino antes d vc chegar! hahahahahahaha…e nao tem a mesma graca essa musica aqui sem ser com td mundo =/

    Responder

  2. Cah Chiconato
    Ago 11, 2011 @ 01:00:38

    Auuun que posto fofis!!!
    é isso aí, é vivendo que a gente aprende e se virando que a gente cresce.
    Adorei Adorei e Adorei mesmo porque na minha opinião acho que o primeiro mês acompanhado do segundo são os mais dificeis, afinal é adaptação.
    Parabéns!!

    espero loguinho estar ae tbm,

    Beijucas

    Responder

  3. Glau Ribeiro
    Ago 11, 2011 @ 10:08:09

    Adorei o post de 1 mês. Bacana perceber o quanto esses 30 dias fizeram diferença na nossa vida e o quanto aprendemos. (:

    Parabéns pelo aniversário! (:

    Beeeeijo!
    Fica com Deus!

    Responder

  4. giovana
    Ago 11, 2011 @ 10:54:27

    Lunaaa… adorei! ;D
    Nossa meu, como passa rápido né?! Tô besta demais!

    Olha…Eu tb não gosto de fazer NADA sozinha e tô vendo que vou ter que superar MUITO isto por aí, e falar não pras pessoas então… não sou capaz mas terei de mudar isto também!
    Ai ai… que bom que você tá feliz, viu?
    Mas espera euuuuuuuuuuu que quem sabe, mês que vem não tô chegando?

    bjsss

    Responder

  5. Vanise
    Ago 11, 2011 @ 11:32:48

    Oi Luna td bem querida? aos pouquinhos vc vai vendo sua evolução ai na Terra do Tio Sam, no sentido de se tornar uma pessoa melhor! A parte que mais gostei do seu post foi quando vc fala que vc descobre que adora a sua companhia, eu acredito que esse é o principal motivo para eu fazer essa viagem, quando eu passar por essa fase, me valorizar mais, acredito que vou me tornar uma pessoa mais segura e mais feliz.
    Boa sorte nas suas descobertas!
    Abraços

    Responder

  6. Debora França
    Ago 11, 2011 @ 11:55:05

    Fico muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiito feliz,é isso aíiiiiiiiiiiiiiiiii………………….

    Responder

  7. Aline
    Ago 11, 2011 @ 13:50:25

    Nooossa 1 mês já????
    Parabéens!
    🙂

    Responder

  8. danny au au pair
    Ago 11, 2011 @ 17:23:25

    Passou rápido né Luna? PARABÉNS!!!
    Aproveite muito, é mesmo, passamos a sentir falta de coisas que nem imaginávamos não acha? kkkkkkkkkkk

    Um abraço ^^

    Responder

  9. Debora
    Ago 12, 2011 @ 02:42:22

    haha, Luna, legal seu post avaliando o seu primeiro mes ae!!! Aaaah, hj mesmo eu ouvi essa musica pq tava com saudades! Nem lembro direito como eh que ela virou hino, acho que foi qdo eu, Aline, Dani e Tabatation fomos pra DC em maio!

    Responder

  10. Regina
    Ago 12, 2011 @ 07:56:46

    Já se passaram um mês né? fico feliz com sua adaptação! Vc é uma pessoa forte e determinda. Tá de parabéns!!!
    bjusss

    Responder

  11. Regina
    Ago 12, 2011 @ 08:03:03

    Ah! Acompanho seu blog e já fico imaginando o que vc vai escrever depois. As dicas que vc passa e tudo que vc fala são de grande valia pra gente. continua assim
    porque é mto bom ler tudo que vc escreve. Valeuuuuuuuuuuu!
    bjusssss

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 38 outros seguidores

%d bloggers like this: