Não vou sentir falta de…

Pertinho de viajar comecei a me dar conta do que NÃO vou sentir falta quando estiver limpando bunda de criança nos Estados Unidos e resolvi listar aqui. Sempre que vejo uma coisa que me faz querer dar um soco na parede eu penso, beleza está acabando, não vou ter que aturar isso por um bom tempo. Então todos esses incomodos passei a encarar como “coisas pitorescas que se encontram por aqui”.

como eu te entendo Calvin

Mas chega de enrolação e vamos a lista: Não vou sentir falta de…

barulho, gritaria, tumulto e mais gritaria. Por aqui aonde eu moro na zona nada chique do Rio tudo se resolve na base do gogó. ÔOo inferno isso! É gente gritando pra anunciar dentista, ótica, almoço sem balança, empréstimo, caras da van que quase te pegam pelo braço a força pra te enfiar na van, todas as lojas que resolvem colocar música e anunciar seus produtos no microfone, e por último, a porra da bandinha de farmácia. Alguém faz favor de me explicar pra que serve o raio daquela banda na frente da farmácia? Se o objetivo é te deixar irritado ao extremo, então beleza, conseguiram.

– ainda no quesito barulho, se enquadra os ouvintes de celular em transporte público SEM o fone de ouvido. Ôoo povo pra gostar de uma poluição sonora. Já pensou se todo mundo resolvesse ouvir música sem a droga do fone de ouvido, que inferno que seria? Pois é. E sem contar que a qualidade dessas músicas são sempre, digamos assim, duvidosa.

– e falando de música, também não posso deixar de dizer que vou me sentir muito aliviada de não mais ser obrigada a escutar pagode, sertanejo, funk e afins (tá, funk na night pode, a veia carioca é mais forte nessa hora). O pior de tudo é que normalmente o refrão é chiclete e você se pega repetindo aquela porcaria o tempo todo. Eu não quero mais ter que cantar “o jeito é dar uma fugida com você” ou ainda “vou não, quero não, posso não…” contra minha vontade.

mosquito. Nem um pouco. Deve ser ótimo não ter que ter pânico toda vez que um mosquito te pica achando que vai pegar dengue instantaneamente (quem teve dengue sabe do que estou falando). E a sinfônia de zumbido pra dormir também não me agrada.

– do meu bairro em geral. Bairro escroto, sem nada pra fazer, contra-mão e longe pra tudo. Sem contar na falta de transporte público aqui que dificulta mais ainda o processo de sair pra fazer alguma coisa. Se fizessem uma pesquisa pra descobrir a maior causa de mortes por aqui seria de tédio. E olha que nem sou saidera, mas ter opção seria legal pra variar.

preços absurdamente caros. Como diria o Bluehand, aqui no Brasil se nego não levar 500% de lucro em tudo, não há negócio. Tudo aqui é o olho da cara. Lazer, roupa, comida, e tecnologia então nem se fala. Eu acho que só de sacanagem vou comprar um Ipad por semana 😛 (#VaiSonhando)

– do calor infernal que faz no Rio de Janeiro. Quem me conhece sabe que eu tenho tolerância zero ao Rio 40ºC, quando  dá pico de 46 então, eu já estou surtando. No frio a gente coloca casaco, liga aquecedor, as escolas param de funcionar e o povo fica em casa. E no calorzão, como faz?  Nada, você tem que ir trabalhar, fazer as coisas normais como se a temperatura estivesse agradável. E no calor não tem roupa que resolva, a gente ainda não pode ir trabalhar de biquíni.

tropa de elite versão real. Que o Rio de Janeiro é lindo todo mundo sabe (também depende da onde você está, mas enfim). Mas que a cidade andou esculhambada também não é novidade pra ninguém. Eu já perdi a conta de quantas vezes me vi de barata tonta no meio de tiroteio. Também estou cansada de andar por aí alerta o tempo todo, agarrada a bolsa com medo de um mão leve passar, espalhar dinheiro pelo corpo e esses macetes que nós cariocas nos acostumamos. Mas o pior de tudo, é meu medo de me perder na cidade e parar numa favela. Morro de medo de parar em lugar que não conheço e desembocar em favela braba.

Me livrei o/

Então é isso gente, post desabafo que ficou bem Fernanda Young pro meu gosto, cheio de mimimi 😛 Mas eu sei que depois de um tempo a gente acaba meio sentindo falta das coisas que nos irritavam, ou não.

 beijo pra quem fica!!

Ps roubei a idéia para o post da minha querida Mary. 😀

ps2: volto depois pra fazer a parte 2: coisas que vou sentir falta

Anúncios

7 comentários (+add yours?)

  1. Carol
    Jul 06, 2011 @ 11:05:13

    Adoooreeei. Sou de SP, mas cada vez que eu sou amassada no metrô penso – puta merda está quase acabando!!!

    Beijos

    Responder

  2. larissa
    Jul 06, 2011 @ 12:04:19

    Gente, amei e assino em baixo! Eu ando de bus todo dia e se não tiver com fone de ouvido, sofro viu… pq é cada música que a gente é obrigada a aguentar… aqui o pessoal gosta de fazer um barraco básico no bus tbm, sempre tem duas almas que gostam de brigar por.. NADA! além do mais, tudo lotado, a gnt fica parecendo sardinha dentro do bus, e pior.. PAGANDO por iss!
    enfim, hahaa não vejo a hora de me livrar disso tbm, to contando os dias (e horas, e minutos, ahiuehaueauihe)
    Beeijo

    Responder

  3. Mary_Mello
    Jul 06, 2011 @ 13:58:05

    Roubou a ideia de mim, que roubei da Bia Morgado que roubou de um outro alguém… hauhauaha

    Bom, sinto muito te desiludir, BUT aqui tbm tem mosquito e calorão tá! Não é o FORNO do Rio e nem o enxame da dengue, mas mesmo assim você não se livrará dessas coisas tão fácil assim…

    Outra coisa que eu já vou te avisando pra tirar o cavalinho da chuva é quanto a comprar um Ipad por semana, SORRY girl, num vai dá não! ;p

    Amore, to contando os dias pra você chegar… TEMOS que marcar várias coisas pra fazer por aqui viu! To pra marcar uma baita balada em Manhattan mas vou esperar você chegar…

    Se cuida garota! E vem que vem que NYC será pequena! ;D

    Responder

  4. Carla Ribeiro
    Jul 06, 2011 @ 17:47:16

    É com grande pesar que venho te dizer que:
    Existe mosquito nos Estados Unidos.

    choremos.

    Responder

  5. Marysila Oliveira
    Jul 06, 2011 @ 23:30:18

    A bandinha da farmácia é pra aumentar a venda dos remédios pra dor de cabeça! Óbvio, minha cara!

    Responder

  6. Fernanda Prado
    Jul 07, 2011 @ 17:05:20

    EXCELENTE!!!²
    Estou contigo em cada linha do seu post! TOTAL!

    Responder

  7. Aline
    Jul 29, 2011 @ 14:44:59

    Vi que vc é de Niterói! Bate aqui! o/\o hhahaha
    Faço minhas as suas palavras disso que provavelmente não vou sentir falta!
    PS.: Ri demais com a parada da van e os caras te puxando! ahaha Muito verdade isso!

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 40 outros seguidores

%d bloggers like this: