Como tudo começou – A Colonização Americana

Olá minha gente!!

Então, quando eu fiz esse blog, eu já imaginava está On line a essa altura do campeonato, e que agora estaria contando pra vocês como estariam meus contatos com a futura host Family (muito positiva eu!). Well, não rolou, eu continuo esperando a merda , digo, droga (mamis briga se falar palavrão ¬¬)do aceite e me dei conta de uma parada: tô começando a ficar preocupada de não mais ter assunto pra postar aqui 😛

tô cansando de esperar

Sério, seria muito mais fácil ter feito um blog sobre moda. Porque todo dia tem um esmalte novo pra comentar (que eu já não vejo mais diferença em nenhum deles) ou um (insira aqui a cidade que lhe convém)FashonWeek da vida… não seria muito mais fácil?? Nunca me faltaria assunto.

Pois bem, não posso falar ainda de malas, de presentes (se bem que já até adiantei um pouco isso aqui), da tensão do visto, de ter conseguido o visto (porque vou conseguir), de ficar ansiosa com embarque (e meu primeiro voo de avião #caipira), da festa de despedida, do chororô no aeroporto, etc etc

Então, pensando nisso resolvi abordar um assunto totalmente diferente e que eu adoro. Gente, eu sou apaixonada por História! E se Deus quiser, passarei a gostar de Geografia um dia também (para orgulho de papis). Vou dar um enfoque sempre que puder em História quando chegar a hora de contar sobre lugares que visitei (*olhinhos brilhando*). E espero de coração, não entediar vocês 😛

Como vou morar nos Estados Unidos (e sem fazer a menor noção de que Estado, mas ficaria muito feliz se fosse para Washington) vou começar a falar um pouco da colonização que foi completamente diferente da nossa.

Então vamos lá, que nossa “aula” de história vai começar!! (rima desnecessária essa)

Primeiramente, nada de exploração. Os primeiros ingleses que chegaram nos States chegaram fugindo da perseguição religiosa que tava rolando lá nas terras da futura princesa Kate Midlleton (quero muito ver o vestido de noiva dessa mulher). Pois é, os Calvinistas (uma teoria religiosa idealizada por John Calvin) achavam que a corrupçao estava demais na Igreja Anglicana, religião oficial da Inglaterra, fundada por um Rei muito esperto (Henrique VIII) que com uma machadada só conseguiu se livrar do Papa mandando no seu país e de uma mulher baranga. Os Calvinistas queriam, por sua vez, purificar o Anglicanismo e livra-la de toda essa corrupção. E é por causa disso, que eles ficaram conhecidos como “Os Piratas”, quer dizer, “Os Puritanos” ( turum tsssssssss) 😛

Obviamente que o Rei inglês não ficou nem um pouco contente com essa situação e deu-se inicio a uma perseguição violenta aos puritanos que cada vez mais criticavam a oficialidade de bispos e até mesmo do próprio Rei (tavam pedindo também :P).

Para escapar da perseguição que se seguiu na Inglaterra eles tiveram que fugir para o Novo Mundo, para América. Os primeiros puritanos navegaram em 1620 num navio conhecido como o “Mayflower” ( o primeiro navio a chegar ao que seria conhecido futuramente como Os Estados Unidos). Eles chegaram na costa leste e foi alí que foi fundado mais tarde as 13 primeiras colônias (certeza que isso vocês já viram na escola :))

as famosas 13 colônias

Pois bem, claro que as coisas não seriam nada fáceis para os pobres dos puritanos (porque sempre tem que rolar um drama). E a adaptação foi muito difícil. Mas foi graças a disciplina e aos valores que os puritanos carregavam com eles que conseguiram ultrapassar as adversidades que a nova terra impunha.

uma mocinha puritana

Valores esses que se baseavam em: simplicidade, negócio (industry) e parcimonia. Ou seja, trabalhar muito, economizar e consumir apenas o necessário para que não venha faltar mais tarde. Esse foram os valores os quais os Estados Unidos foram fundados. Ironicamente, mais tarde esse mesmo país ficou conhecido como o “país do consumismo” (mas isso é cena para os próximos capitulos).

E claro, para garantir conhecimento, os puritanos desenvolveram também um sistema de escolas primárias para que fosse possível garantir a produção de literatura, e óbvio, cultura em geral. Em 1636, um pouco depois da chegada dos puritanos na América, eles fundaram Havard College (a primeira universidade americana).

Com o passar do tempo esses valores foram se modificando, ainda houve uma tentativa de acordar para esses antigos valores. Em inicio do seculo 18, houve um ministro Puritano (Jonathan Edwards) que em seus sermões pregava a volta desses valores, e o tom era sempre muito ameaçador, numa tentativa de trazer de volta o estilo de vida puritano.  Esse movimento pela volta das raizes puritanas ficou conhecido como “The Great Awakening”.

Bom, vou parar por aqui hoje. Confesso que me empolguei um pouquiiiinho. Mas espero que vocês tenham gostado.  E possam entender um pouco mais o lugar e a história das pessoas que estão prestem a ir viver. Só pra lembrar, não sou nenhuma especialista no assunto, só uma apaixonada pelo tema mesmo. Se tiver alguma coisa errada, favor, avisar da canelada aí nos coments!!

E o que acharam? Será que ficou interessante, ou esse post acabou servindo para ninar vocês, e tem gente até roncando em frente ao monitor?!! Feedbacks são mais que bem vindo!!

Por hoje é só pessoal !!

 Deixo pra vocês a ilustração do “Mayflower” feito por mim e pelos meus colegas , na época do curso formação para professor. Ficou perfeito, tem até puritanos na popa (ou proa, sei lá).

Mayflower - ficou perfeito 😛

… e beijo pra quem fica!!

Anúncios

11 comentários (+add yours?)

  1. Pamela
    Abr 18, 2011 @ 11:50:40

    Olá, primeira vez por aqui! E achei o post MUITO interessante. Estou morando aqui nos EUA já fazem 8 meses e a única coisa que eu sabia da história era que os EUA era uma colonia de povoamento e que no inicio eram 13 colonias da Inglaterra, coisas que aprendi no ensino médio haha! Achei você muito criativa, porque às vezes (na verdade acontece direto comigo) não faço a minima ideia do que postar! Está de parabéns mesmo! E não te preocupa que cedo ou tarde, teu aceite vem! 🙂

    Beijos e tudo de bom!

    Responder

    • Luna
      Abr 18, 2011 @ 11:55:35

      Oi Pamelaaaaa,

      nossa fico muito feliz que tenha gostado e muito aliviada também Uahuahuahua
      Confesso que pensei que ninguem iria gostar porque a gente carrega um trauma de ter que estudar história na época de colégio e que é maior decoreba coisa e tal.
      Fica a vontade de voltar mais vezes.

      Fiquei toda bobona aqui com o elogio!!
      Beigada :DD (sorrisão)
      E beijão!!!!

      Responder

  2. Giovana
    Abr 18, 2011 @ 12:27:56

    ahahhahahahah… morri no “turummm tssssss” ahahaahhaha
    aula assim, descontraída é bom teacher… vc leva jeito!
    e gostei muito do post também… nesses momentos de ócio um pouco de cultura cai bem!
    eu preciso ser mais culta pra não voltar pro brasa só falando de mc donalds, apple, iphone, forever 21… ;D
    Mandavê!

    Responder

  3. Luna
    Abr 18, 2011 @ 12:39:25

    kkkkkkkk Giovana, muito figura!!

    Olha, posso confessar que meu sonho de consumo é me acabar na Forever 21?? E nem preciso falar que sonho master em ter um Imac??!! Não posso negar minhas raizes capitalistas também não kkkkkkkk

    Mas fico contente que tenha gostado. Eu realmente gosto do tema, e já vou desenvolver assunto para os próximos posts 😀

    Beijão!!!

    Responder

  4. Mary_Mello
    Abr 18, 2011 @ 14:18:21

    MY PAAAAAAAL!!!

    Post cultural hein! Gostei…

    Muito bom saber mais da cultura do país onde vamos morar (pelo menos) 1 ano né! Até pq, se vc perguntar pra geral sobre os SAZUNIDOS, todo mundo vai falar em McDonalds, Apple, Forever 21, Outlets, Disney e bla bla bla como a Giovana falou!

    Dia 1° tá chegando e não vejo a hora de encontrar vcs no nosso meeting/despedida! hauhauahu Vai ser mto bom…

    Beeeeeeeeeeeeijos!!!

    Responder

    • Luna
      Abr 18, 2011 @ 14:47:50

      MY PALLLLLLLLLLLLLLL,

      dia primeiro demorô fia!!! Vai ser demais!!

      Ai mary, que bom que gostou, não fiquei me sentindo uma nerd rejeitada uahauuhaaha

      Vou tentar sempre trazer alguma curiosidade nesse sentindo ao longo dos posts 🙂

      Beijão!!

      Responder

  5. Suellen Nepomuceno
    Abr 18, 2011 @ 14:43:38

    Nossa ficou muito legal….mesmo…Parabéns!!

    Vc devia pensar seriamente em ser professora rsrs…por hobbie né.. pq salário é fogo viu srrsrs…

    Eu também sou apaixonada pelo Egito Antigo!!!

    Responder

    • Luna
      Abr 18, 2011 @ 14:50:48

      Obrigada Suellen,

      mas eu já segui sua sugestão alguns anos atrás e me tornei professora (sim, serei pobre avida toda :P)
      MAs eu realmente gosto de dar aula, e vou sentir falta quando estiver nos States limpando bunda de criança, digo, sendo Au Pair uahauhauhahauuha

      Também gosto de Egito Antigo, espero ir pra lá um dia, e farei um post sobre isso o/

      Beijão!!!

      Responder

  6. Igor Rodrigues (@rodriguesigor)
    Ago 14, 2011 @ 04:13:47

    Algumas caneladas.

    1 – O Mayflower não foi o primeiro navio de colonos. Antes rolaram alguns reconhecimentos até que em 1586 um navio de colonos estabeleceu a Colônia Roanoke (atual North Carolina). Os colonos desapareceram sem deixar vestígios e entrou pro folclore americano.

    Fala-se de demônios e criaturas mitológicas, mas a teoria mais aceita é de terem sido assassinados pelos índios. O problema é que a vila estava intocada, sem sinais de violência ou corpos. E não sobrou ninguém.

    O Mayflower veio depois.

    Responder

  7. Igor Rodrigues (@rodriguesigor)
    Ago 14, 2011 @ 04:16:05

    Ah, sim. A única pista era um toco de madeira do forte/abrigo escrito: “Croatoan”.

    Responder

  8. Jéssica
    Out 26, 2011 @ 16:02:57

    Não gostei nem um pouquinho !!!

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 38 outros seguidores

%d bloggers like this: